Um encontro e dois cenários

Camila custou, mas deu uma chance para o aplicativo de paquera. Ácido Acético Etílico Da Silva era o nome do pretendente. No seu mundo ideal, falariam de antigas civilizações, dos anos Bolsonaro, dos memes, dos intelectuais exilados em Paris, passando ainda pela última blogueira que foi cancelada e pelo menino Neymar, um injustiçado. “Ou qualquer coisa faço uma cena que ele some”, calculou. Continuar lendo

O elevador do Esistenza

Desertos mentais instauram-se com bastante frequência durante as viagens de  elevador do condomínio ‘Esistenza’. É nesta caixa  absolutamente doida e irreal que Juscelino e Sebastião se encontram. Continuar lendo

Socorro, a última lúcida

Socorro espiava da janela, que se diria jaula. Cinco minutinhos apenas, pois qualquer tempo perdido poderia ser uma chance de sonhar. E quem poderia dar conta dos sonhos de Socorro? Assim, ocupava seu tempo com numerosas obrigações rigorosamente baseadas em dez mandamentos estampados em locais estratégicos do apartamento. Continuar lendo